10 dicas para se alimentar bem gastando pouco

10-dicas-alimentar-bem-gastando-pouco

Muitas pessoas acreditam que os produtos saudáveis são mais caros e não sabem como se alimentar bem gastando pouco.

Realmente as gôndolas dos supermercados nos levam a acreditar que quanto melhor é um alimento, maior será o valor dele. Esta informação não é verídica e nós podemos te provar!

Para isso, listamos algumas dicas importantes que vão te ajudar a optar por uma alimentação rica em nutrientes e que caiba no seu orçamento.

Confira a seguir quais são as dicas para comer bem e pagar pouco e já compartilha essa informação com seus amigos para que mais pessoas possam mudar seus hábitos alimentares.

Veja também sobre Nutricionista esportivo: tudo o que você precisa saber!

Dicas para gastar pouco e se alimentar bem

1- Reduza o consumo de industrializados

Para se alimentar bem e gastar pouco é importante que você gaste menos no supermercado e mais na feira livre que tem perto da sua casa.

Os alimentos frescos são mais saudáveis e possuem um valor muito abaixo do que os produtos industrializados.

2- Compre vegetais congelados

Se sua vida é muito corrida e você não conseguir ir na feira semanalmente ou ainda se os produtos estragam rápido na sua casa, a melhor alternativa é comprar vegetais congelados.

Além da facilidade de armazenamento, você terá alimentos prontos para consumo em poucos minutos.

3- Planeje suas refeições

Crie o hábito de fazer um cardápio com o que você irá consumir todos os dias. Isso evita que você gaste com produtos que ficarão parados no armário até perder a validade.

4- Tenha uma lista de compras

Com a programação das refeições prontas, é hora de ir ao mercado ou feira-livre para comprar apenas o que você precisa para aquela semana.

5- Não vá ao mercado com fome

Faça uma refeição antes de ir ao mercado. Isso vai te ajudar a comprar apenas o que você precisa.

6- Cozinhe em casa

Faça você mesmo as suas refeições e evite de comprar comida na rua. Além de ser mais saudável, fica mais econômico também.

7- Opte por alimentos integrais

Arroz e macarrão, por exemplo, são ótimas fontes de carboidratos. Mas para que sua alimentação fique melhor, você deve optar pela versão integral que é mais saudável.

8- Carnes mais baratas

As carnes são ótimas fontes de proteína, mas os preços no país estão impraticáveis! Para não ficar sem este nutriente, você pode optar por cortes mais baratos ou até mesmo substituir a carne por ovos ou peixes.

9- Compre produtos da estação

Frutas e legumes da estação são mais baratos. Vale a pena aprender sobre isso para não gastar dinheiro.

10- Compre a granel

Hoje é possível encontrar muitas lojas que vendem produtos a granel. Nelas você leva apenas o que precisa na quantidade que irá utilizar e isso também gera economia.

Economizar e comer bem

Como você pode ver, é possível sim se alimentar bem e gastar pouco! Com essas dicas ficará mais fácil fazer boas escolhas.

Em tempos de incertezas financeiras com a inflamação aumentando os valores dos alimentos, precisamos aprender a controlar nossas finanças, desde como comprar melhor, até procurar saber tudo sobre cartão de crédito e investimentos.

Preservar sua saúde financeira é a melhor maneira de evitar descontroles e dívidas e, ao mesmo tempo, melhorar sua saúde comendo alimentos mais saudáveis.

 

Compartilhar este post:

Juliana Borges Nutricionista

Juliana Borges Nutricionista

Nutricionista [CRN-1 18734] e atleta de fisiculturismo desde 2016, atual Bicampeã Brasileira na categoria Wellness.

Você vai gostar também